Nova temporada de The Walking Dead é líder de audiência e eleva o nível da Fox

Resultado de imagem para The Walking Dead


A Fox está comemorando a estreia da sétima temporada de uma das série mais aclamadas pelo publico. O sucesso de The Walking Dead não é novidade, só que a Fox divulgou que a série vem mostrando crescimento de 34% no número médio de telespectadores ”ao vivo + mesmo dia”, ou seja, a emissora não está nem contando com as outras plataformas que a série é exibida.


Nos 28 mercados da América Latina, Europa, Asia e o Pacífico onde houve dados estatísticos na manhã seguinte da estreia, The Walking Dead superou a audiência das temporadas anteriores e ocupou o primeiro lugar na sua faixa horária.

“Os números nos deixaram verdadeiramente surpresos. Sabíamos que a estreia seria um sucesso, mas nunca imaginávamos um crescimento de mais de 34% para uma série em sua sétima temporada. The Walking Dead é uma série diferenciada, feita por pessoas especiais, e a cada ano que passa, a paixão com a que feita é evidente para as milhões de pessoas que se sentem parte desta família em todo mundo”, comenta Sharon Tal Yguado, EVP da Global Programming da FOX Networks Group.


Vale lembrar que a sétima temporada da série foi lançada no Brasil simultaneamente com a estreia nos EUA.


Em parceria com a AMC quando a série estava na fase de roteiro, a FOX apresentou em 2010 a primeira estria mundial simultânea.

Com a oitava temporada confirmada que estreara ano que vem – que começará com o episódio número 100 da série − The Walking Dead retornará para mais de 200 milhões de telespectadores internacionais em 127 países na FOX.

Desempenho global:

Os índices de audiência médio da estrai mundial aumentaram em 34% “ao vivo vivo+mesmo dia” em relação ao primeiro episódio da temporada anterior nos 28 mercados analisados. Nas redes sociais, The Walking Dead  teve mais de 3 milhões de menções públicas online entre os dias 23 e 25 de outubro, gerando 1,2 milhões de menções a mais que o último episódio da temporada 6.

América Latina:

Na América Latina, The Walking Dead é exibida pela FOX+Premium com transmissão simultânea com os Estados Unidos, e no Brasil também é exibida no canal FOX básico. As reprises acontecem às segundas. O primeiro episódio desta temporada cresceu 17% na média de audiência total no Premium e no básico em relação ao primeiro episódio da 6ª temporada nos 6 mercados onde tiveram dados disponíveis no momento do anúncio.

No Brasil, a estreia na FOX obteve um índice de audiência espetacular: 3,3 de média no target P18-34HM, um aumento de 94% em relação ao episódio de estreia da sexta temporada, colocando a FOX como #1 na TV paga e #2 TV total. É o índice de audiência mais alto obtido pela FOX nos últimos seis anos.

No México, a estreia obteve um índice de audiência de 2,7 no P18-34HM. O episódio registrou uma média maior que 359% em relação a média na faixa horária e ainda a FOX liderou a audiência total de TV superando a concorrência tanto de TV Aberta como de TV de paga.

Na Colombia, a estreia obteve um índice de audiência de 2,4 no P18-34HM, registrou um aumento de 103% em relação a média da faixa horária, posicionando a FOX como #1 nos canais de TV paga e em terceira no ranking de TV total.

No FOX Premium, a estreia da nova temporada The Walking Dead  começou com impressionantes 3.2 pontos de audiência entre assinantes do FOX Premium, seis vezes mais alto que seu concorrente mais próximo, com um share de audiência de 37%. Foi o maior índice de audiência de series do FOX Premium dos últimos três anos.

Desempenho na Europa:

Nos 16 mercados europeus onde houve dados disponíveis no momento do anúncio, a estreia deste ano superou em 37% o episódio equivalente da sexta temporada. Aumentou oito vezes a média do prime-time da FOX e colocou a estreia da sétima temporada de The Walking Dead  a frente de todas as séries  que estrearam mundialmente até até esta data. O episódio marcou um aumento recorde nos mercados checas como Itália (mais de 78%), Grã Bretanha (mais de 59%) e os Países Baixos (mais de 35%).

No mercado britânico, altamente competitivo, o primeiro episódio desta temporada atraiu 1,43 milhões de telespectadores, 59% mais que a temporada anterior, e está no caminho de ser a série de maior índice de audiência da FOX nos 14 anos da história do canal. A FOX dominou a faixa horária, atraindo o dobro do público na faixa horária que seu concorrente mais próximo na televisão por assinatura e também superou ao canal aberto Channel 5.

Na Alemanha, o primeiro episódio colocou a FOX a frente de todas suas concorrentes no entretenimento em 2016 (14-59 TV por assinatura) e aumentou o share diário para 2,3%, o que colocou a FOX como o canal de melhor desempenho entre suas concorrentes na televisão por assinatura no AF17 (14-59 TV por assinatura).

A FOX Itália teve resultados igualmente impressionantes, aumentando em 78% de um ano ao outro.

Na Espanha, o primeiro episódio foi o mais visto de todos os primeiros episódios de The Walking Dead  no canal, colocando a FOX a frente de todas suas concorrentes na televisão poer assinatura e na maioria da televisão FTA.

Nos Países Bajos, The Walking Dead obteve um recorde de 8,9% do share comercial e 2,8% de ratings comerciais, o desempenho mais alto na história da FOX de uma transmissão de entretenimento.


Na Hungria e Noruega, o primeiro episódio da sétima temporada garantiu a maior audiência na historia do canal. Na Polônia, fez com que a FOX ganhasse de seus principais concorrentes na faixa de horário. Em Portugal, a FOX triplicou as médias no prime-time das semanas anteriores e esteve a frente de todos os canais de televisão por assinatura com o episódio de estreia da temporada.


Desempenho na Ásia e o Pacífico:

Nos 6 mercados da Asia e Pacífico onde houve dados disponíveis no momento do anúncio, a audiência do episódio de estreia deste ano aumentou 25% em relação ao episódio equivalente da sexta temporada. Se observou um aumento nos mercados chave tais como Singapura  (mais de 14%), Malásia (mais de 13%) e Filipinas (mais de 57%), o que colocou a FOX como o canal em inglês número um de TV de assinatura na faixa horária.

Em Singapura, o primeiro episódio aumentou 14% em relação ao equivalente da temporada anterior, colocando a FOX a frete dos canais de TV por assinatura em inglês na faixa horária.

Nas Filipinas a audiência total aumentou 57% e o canal registrou uma média forte de 2,1 para a a estreia no horário prime-time (16-49 TV por assinatura), um incremento de 42% em relação a temporada anterior, colocando novamente a FOX a frente dos canais de TV por assinatura em inglês na faixa horária.

Na Austrália, a audiência combinada aumentou 14% em relação a estreia do ano passado, com índices de audiência de 1,8 e 2,1 no segmento 15-49 de TV por assinatura em suas primeiras transmissões.

Em Taiwan, a audiência total aumentou 7%. A estreia teve um índice de audiência de 0,6 no setor demográfico 15-44 do cabo, considerado na série americana de maior índice de audiência do dia em todos os canais.


Na Malásia, a audiência total aumentou 13%. A estreia teve um impressionante índice de audiência de 1,3 no setor demográfico 15-49 do Astro, que garantiu que a FOX HD ficasse como o canal em inglês número um na faixa horária.

Comente aqui!!!!