Review

REVIEW | Santa Clarita Diet – Consequências, Escolhas e Sangue! (3° Temporada C/Spoilers)

A terceira temporada de Santa Clarita Diet retorna levemente mais séria mas não menos engraçada.

Minha primeira impressão dessa nova temporada, foi de ser um pouco mais caricata. O que não tirou seu brilho mas pode ser estranho para alguns no começo, mesmo aqueles já acostumados a série. Suas piadas dessa vez soaram mais direcionadas para um público específico e não para o geral. Mas o time de Drew e Timothy com certeza é o que faz funcionar mesmo quando é algo que você entende ou não. No final você apenas ri junto.

A essa altura nem é preciso mais falar o quão bem Drew volta para a temporada. Santa Clarita parece ser uma série que foi feita para ela. Ela faz de Sheila uma protagonista memorável e facilmente amável mesmo no meio do grotesco. Carismática, engraçada e forte. Não só uma morta viva, mas uma esposa e mãe. 

Timothy novamente é um destaque. O ator simplesmente é maravilhoso. Joel é hilário e com certeza é o diferencial e alívio cômico da série. Eu amo Drew mas confesso que Timothy é o que torna Santa Clarita tão divertida e diferente.

Mas como eu disse, nesse terceiro ano, Santa Clarita Diet volta com uma seriedade maior e abre a discussão sobre o “para sempre”. As ameaças contra Sheila e sua família aumentam a cada momento e somado a isso vem a grande questão. Sheila pode viver para sempre e Joel é apenas humano. Ao pedir para mordê-lo, Joel levanta um questionamento sincero. E se o ser humano somente é capaz de amar incondicionalmente por ter a certeza da morte? Ao pedir o para sempre, Sheila também pede para ele continuar ao seu lado no estilo zumbi. Matando pessoas e desovando cadáveres. E mesmo achando tudo isso aterrorizante, Joel sempre faz tudo por ela. Mas será ele capaz de abrir mão de sua humanidade por ela?

Com tantos inimigos, Joel resolve se unir a um deles, para usar a favor da segurança de sua família. Ao se tornar um cavaleiro da Sérvia (que são soldados medievais que caçam mortos-vivos). Abby também acaba se juntando ao estilo de vida dos pais. Entendo o fato deles quererem mantê-la afastada dessa vida mas ela está bem no meio e é quase impossível disso acontecer. Afasta-la e mentir para ela apenas irá atraí-la ainda mais para isso e da maneira errada. 

E após duas temporadas finalmente ela e Eric se acertaram. Eu não imagino como irá se desenvolver o relacionamento dos dois mas estranho é algo muito comum em Santa Clarita e Eric é de todas as formas estranhas, perfeito para ela. 

Nesse terceiro ano a série equilibrou bem o desenvolvimento de todos os seus personagens. Mas deixa a sensação que ela possa cheguar ao fim em breve. Por mais diferente e viciante que seja, é uma série que não deve passar de cinco temporadas ou pode se voltar contra si mesma. 

O plot twist do final foi surreal e grotesco e só Deus sabe o que vai acontecer com Joel agora. Mas uma coisa posso dizer. De todas as partes que Sheila já comeu. De todas as orelhas salgadas, sangue explodindo e corpos congelados, nada, repito NADA, nada é mais nojento, arrepiante e bizarro do que a aranha bola com mil olhos. Quem tem tripofobia morreu nessa temporada. Vulgo eu, a falecida.

Santa Clarita Diet volta como sempre, com muito gore, muito humor negro e abre ainda mais seu próprio universo. Ainda que não seja um ano tão bom quanto seu primeiro e segundo, mantém a qualidade e não entrega algo genérico.

Comente aqui!!!!