Cinema

Scarlett Johansson fala sobre interpretar personagens de outras etnias

Scarlett Johansson é uma das maiores atrizes de Hollywood no momento, mas seu currículo é bem manchado por conta dos seus papeis whitewashing (Termo usado quando uma pessoa de etnia branca assume papel de um personagem de outra etnia).

Em um comunicado enviado ao Comic Book, um representante da atriz tentou abaixar a poeira, levantada por Scarlett em uma entrevista ao AS IF Magazine.

“Uma entrevista que foi publicada recentemente foi editada para chamar atenção, tendo sido amplamente tirada de contexto. A pergunta que estava respondendo na minha conversa com o artista contemporâneo, David Salle, era sobre o confronto entre política e arte. Pessoalmente sinto que, em um mundo ideal, qualquer ator deveria ser capaz de interpretar qualquer um e a Arte, em todas as formas, deveria estar imune à política. Esse era o assunto que eu estava abordando. Reconheço que, na realidade, existe uma discrepância ampla na minha indústria que favorece os atores caucasianos, cis e de gênero, e que nem todo ator recebeu as mesmas oportunidades que eu tive. Continuo apoiando a diversidade em todos os setores e continuarei a lutar por projetos em que todos estejam incluídos.”, disse o representante.

Na entrevista, Johansson disse:

“Sabe, como uma atriz, eu deveria ser capaz de interpretar qualquer pessoa, ou qualquer árvore, ou qualquer animal, porque esse é meu trabalho e esses são os requisitos do meu trabalho. Eu sinto que isso [as críticas demandando representatividade] é uma tendência na minha profissão e isso precisa acontecer por diversas razões sociais, e ainda assim, existem momentos que isso fica desconfortável quando afeta a arte, porque eu sinto que a arte deveria ser livre de restrições. […] Eu acho que a sociedade seria mais conectada se apenas permitíssemos que os outros sentissem o que eles sentem e não esperar que todo mundo sinta da maneira que sentimos.”

Comente aqui!!!!