Cinema

Roteirista de “O Predador” fala sobre final original do reboot

Após a decepção causada pelo reboot de O Predador, Fred Dekker, um dos roteiristas, deu declarações sobre o final original, que não foi para as telas dos cinemas, pensado para o longa. Confira as palavras do roteirista:

“Nós havíamos criado uma sequência em que, basicamente, nossos heróis tinham que ir do ponto A ao ponto B, junto de um comboio militar. E, nesse ponto do filme, havíamos apresentado Predadores amigáveis que iriam se juntar a eles. Uma coisa interessante para mim e para o Shane, que ninguém parece se importar é: ‘o que os predadores fazem além de caçar?’. Eles inventaram espaçonaves interestelares; eles não são caipiras burros. Achamos que valia a pena explorar essa civilização e cultura, pois é algo que nenhum dos filmes anteriores se propôs a fazer. A ideia é que o planeta deles está morrendo, e eles decidiram dominar a nosso, liberando diversos híbridos – de criaturas distintas do universo – que iriam caçar nossos heróis no terceiro ato. O final que eles criaram é terrível e eu não tenho nada a ver com isso. Shane também não foi responsável por ele. É apenas algo que alguém decidiu que era uma boa ideia.

Com orçamento de US$ 88 milhões, O Predador arrecadou apenas US$ 160.5 milhões e causou desgosto em uma legião de fãs. Será que com o final pensado pelos roteiristas essa catástrofe teria sido evitada?

Comente aqui!!!!