REVIEW | Emergence – Um novo mistério surge (Estreia Fall Season) s/spoilers

Séries de mistério vira e mexe retornam a TV. Algumas dão certo e prendem o público. Outras, como The I-Land naufragam antes mesmo de sua estreia.

Sou até suspeita para falar. Mas mistério e ficção são dois dos meus temas favoritos. Lost, Fringe, Arquivo X, foram séries que marcaram uma geração. É impossível não pensar nelas ao pensar em grandes mistérios, teorias e conspiração.

Para não perder nenhuma novidade do mundo do entretenimento, siga o Premiere Line no Instagram, Twitter e Facebook

Os últimos lançamentos do gênero, tem sido bem recebidos tanto pela crítica quanto pelo público. The Leftovers, The Sinner, Westworld, Stranger Things, Manifest, Dark, são ótimos exemplos de séries que surpreenderam e conquistaram os mais exigentes. E com o nível subindo a cada ano fica difícil competir ou mesmo ser original.

Emergence até então tem sido competente em entregar plots bem escritos e manter os pés no chão em suas limitações. Fica claro que não é uma produção grandiosa mas que faz o melhor com o que tem.

RESUMO: Tudo começa quando após um apagão, um avião caí na praia e uma menina sem memória é encontrada no local. A trama se desenrola a partir daí, onde eventos sobrenaturais começam a acontecer ao redor da menina e ela se torna alvo de uma perseguição. Determinada a proteger a garota, a xerife acaba envolvida em uma grande conspiração.

Não demora muito para o próprio telespectador adivinhar que a menina na verdade é um I.A. Outro ponto positivo para a série, que não tenta prolongar o mistério em torno dela mas a trabalhar a partir dessa revelação.

Um dos problemas potenciais que Emergence pode enfrentar é o cenário pequeno onde se passa. Contando com poucos personagens e uma grande história. Pode ser uma série que deva durar 3 temporadas no máximo, e com poucos episódios cada.

Emergence é uma boa aposta da Fall Season e definitivamente merece ser conferida.