Ludmilla desabafa sobre o boicote que o single “Verdinha” está sofrendo

A cantora Ludmilla usou suas redes sociais para desabafar sobre a “sabotagem” que vem sofrendo por conta da polêmica faixa “Verdinha”, que é uma música que faz referência à maconha.

O Youtube colocou o videoclipe do single classificado para maiores, ou seja, quem tiver deslogado ou for menor de idade, não conseguirá assistir o video, fazendo as visualizações do clipe despencarem.

Para não perder nenhuma novidade do mundo do entretenimento, siga o Premiere Line no Instagram, Twitter e Facebook

“Acabei de receber a horrível notícia de que classificaram idade para assistir ‘Verdinha’. Cara, eu estou chocada! O que tem no clipe de ‘Verdinha’ que ninguém nunca viu aqui no Brasil, gente? Alface, alguém fumando um cigarro de palha, bunda tremendo… o que tem ali no clipe que é uma novidade extraterrestre no Brasil? Só se for uma negra no poder, na frente de uma plantação de alface, uma mulher delegando funções. Deve ser isso que está estranho, já que o Brasil não costuma ver, né?”, disse a cantora.

“Estão tentando me sabotar a todo custo”, escreveu Lud em suas redes.

Vale lembrar que outras músicas que fazem referência a maconha, como “Brisa” de IZA, “Sedanapo” de Gloria Groove e “Onda Diferente” de Anitta, não sofreram esse boicote. Sem citar que no videoclipe de “Onda Diferente”, Anitta aparece regando um pé da planta proibida.

O que vocês acham disso tudo?