Festival de Cinema LGBT+ propõe alternativa para continuar acontecendo de forma segura

Em meio à pandemia causada pelo coronavírus e todos os consequentes cancelamentos de eventos, o Festival de Cinema LGBT+ de Londres encontrou uma alternativa para continuar acontecendo.

Por iniciativa do Instituto de Cinema Britânico (BFI), os filmes que seriam exibidos no festival estarão disponíveis para o público por meio da plataforma de streaming BFI Flare at Home. Além de dar a chance disponibilizar as novas produções ao grande público, a medida também reforça a ideia de que as pessoas devem permanecer em casa dada à situação atual.

O serviço foi lançado no dia 20 de março, e estará disponível para aqueles que compraram ingressos de forma gratuita até o dia 29; para quem não comprou ingresso para o festival, poderá acessar o conteúdo no BFI Flare at Home de graça durante o período de 15 dias.