Governo de São Paulo anuncia data para reabertura de cinemas

A pandemia do coronavírus causou danos a diversas áreas, inclusive a do entretenimento, que teve como consequências a paralisação das produções de filmes e séries, suspensão de shows e fechamento de cinemas, teatros e outros eventos culturais.

Passados quatro meses da quarentena e das restrições do isolamento social, estamos entrando no momento de flexibilização e, com isso, no começo deste mês o Governo de São Paulo anunciou que já está planejando a reabertura deste setor – considerando que a cidade esteja por mais de quatro semanas na fase amarela.

A reabertura de cinemas está planejada para o final de julho, contando com a aprovação da vigilância sanitária e seguindo uma série de restrições, como: o uso obrigatório de máscaras; funcionamento com o máximo de 40% de sua capacidade total; ingressos comprados apenas online, com lugar marcado; distância de 2 metros entre os assentos; proibição do consumo de bebidas e alimentos durante as sessões.

Com as novas regras, os cinemas deverão funcionar por cerca de 6 horas, o que equivale a pelo menos 2 filmes de no máximo 2 horas e meia – contando com o tempo de higienização em cada sala e a entrada e saída do público.