Cinema

Liga da Justiça | Warner vai investigar denúncias de abuso nos bastidores da produção

Ray Fisher, o Ciborgue em Liga da Justiça, mencionou  várias vezes sobre o mau comportamento de Joss Whedon e outros membros da produção durante as regravações do filme.

Depois de tanto esforço para ser ouvido, a Warner finalmente começou uma investigação sobre tal comportamento.

“Após 5 semanas de entrevistas com pessoas do elenco e produção, a Warner oficialmente abriu uma investigação independente para averiguar o trabalho abusivo e tóxico durante as regravações de Liga da Justiça. Isso é um avanço ENORME”, comentou Fisher em sua conta no Twitter.

Ao compartilhou em julho como Joss Whedon tratava mal todo mundo do elenco e produção da Liga da Justiça, Fisher fez o caso vir a público.

“Nojento, abusivo, não profissional é inaceitável”, denunciou. Mais tarde, o diretor Kevin Smith afirmou ter ouvido relatos que sustentam argumento do ator.

Joss Whedon entrou na produção de Liga da Justiça quando Zack Snyder precisou se afastar do longa por motivos familiares, o diretor então decidiu fazer várias refilmagens no filme.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s