“Lupin”: Criador da série vai tentar crossover com Sherlock Holmes

George Kay, criador de “Lupin”, revelou que está buscando maneiras de trazer Sherlock Holmes para a série. Já pensou?

Em entrevista à Rádio Times, o criador de “Lupin”, George Kay, afirmou que tem interesse em levar Sherlock Holmes, o detetive mais famoso do mundo, para a série francesa: “Falando muito honestamente, houve (discussões). Há algumas ideias circulando em torno disso, que tenho, que estou realmente interessado em explorar.”

Vale ressaltar que Sherlock Holmes e Arsène Lupin já trabalharam juntos em histórias de Maurice Leblanc, responsável pelo surgimento do ladrão francês. A obra “Sherlock Holmes Chega Tarde Demais”, de 1906, mostra o detetive já idoso conhecendo um jovem Lupin.

A trama acompanha Assane Diop (Omar Sy), um homem que, 25 anos atrás, viu sua vida virar de cabeça para baixo com a morte de seu pai, então acusado injustamente de um crime. Agora, ele está em busca de vingança e, para isso, se inspira em Arsène Lupin, o famoso “ladrão de casaca” da literatura francesa. Conhecido como “Robin Hood da Belle Époque”, Lupin se tornou um gênio do crime na Paris do início do século 20 – e Diop vai seguir seus passos nos dias de hoje.

A série conta com Omar Sy, Ludivine Sagnier, Hervé Pierre, Nicole Garcia e Clotilde Hesme.

Com 10 episódios em sua primeira temporada, “Lupin” está disponível na Netflix.

Escrito por Daniel Santos